segunda-feira, 13 de setembro de 2010

CURITIBA ANTES DA "CURITIBANIZAÇÃO" DOS ÔNIBUS















Com o declínio do sistema de ônibus de Curitiba (PR), seja pelo desgaste do modelo adotado por Jaime Lerner (na prática, uma espécie de versão busóloga do modelo econômico adotado por Roberto Campos e Otávio Bulhões em 1964), seja pelos deslizes cometidos pelas prefeituras posteriores, começa a ser levantada a memória dos ônibus curitibanos antes da uniformização visual, que praticamente transformou os ônibus da capital do Paraná em verdadeiros comboios fardados.

Uma pequena seleção de fotos, várias delas com lotações ou com empresas não identificadas, além de duas fotos contemporâneas com réplicas de ônibus antigos das empresas Castelo Branco e Colombo, de cidades da Grande Curitiba que servem linhas para a capital. Também há uma foto de arquivo com outra empresa da região metropolitana, a São José dos Pinhais.

Várias dessas fotos são muito antigas, entre 1955 e 1960, e outras datam dos anos 70.

Vale conferir e analisar se não é bom recuperar a diversidade visual dos ônibus da Grande Curitiba.

2 comentários:

  1. o modelo bem sucedido e copiado em varias cidades do mundo fala por si só....porem tudo q cresce rapidamente tem seus problemas mais curitiba ainda é lider em qualidade no transporte urbano sempre inovando!

    ResponderExcluir
  2. Não é bem assim, Fabiano. Em primeiro lugar, é porque o modelo de Jaime Lerner, implantado no auge da ditadura militar - ele era da ARENA e como universitário deve ter tido boas relações com o ex-ministro Suplicy de Lacerda - , está saturando no Brasil.

    Dizer que o modelo é "bem sucedido" porque é copiado em várias partes do mundo não faz sentido. Se fosse assim, então a economia neoliberal, que é responsável por mortes coletivas através da fome e do desemprego, seria considerada a melhor economia do mundo, só porque é implantada em vários países.

    Os problemas do transporte de Curitiba deixam claro que é o modelo de Jaime Lerner que está em processo avançado de desgaste.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...